Santa Rosa do Sul ativa conselho da pessoa com deficiência


Membros do Conselho Municipal da Pessoa com Deficiência (CMPD) estiveram reunidos na última sexta-feira, 5 de novembro, para escolher sua primeira diretoria e dar início às suas atividades. Criado por força de lei em 2019, o conselho continuava inativo até esta reunião.
Órgão colegiado que tem por finalidade a formulação de estratégias e controle social da execução das ações e políticas públicas voltadas à pessoa com deficiência, o CMPD de Santa Rosa do Sul, desde a última sexta, passou a contar com uma diretoria e, portanto, deu início às suas atividades. “O conselho é uma instituição importante dentro do município e agora, com a composição desta diretoria, acreditamos que vamos conseguir implementar uma série de ações já previstas para o próximo ano”, salientou Andreia Sotero, diretora da Apae (Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais) de Santa Rosa do Sul e eleita diretora do CMPD.

A sinalização da implantação de um programa de residência inclusiva no município apresenta ao conselho um desafio ainda maior na implementação de direitos para as pessoas com deficiência. “Sem dúvida, a atuação do conselho tem muito a contribuir com as ações voltadas às pessoas com deficiência. Certamente, é um apoio importante inclusive no trabalho da administração municipal”, avaliou a coordenadora do CRAS (Centro de Referência de Assistência Social), Cleonice Bitencourt Cabral.
Categoria:Exemplo de categoria