Lideranças turvenses mobilizadas pela doação de sangue

O projeto Doadores de Turvo foi desafiado pelo Hemosc de Criciúma para atingir o percentual de 3% da população como doadora de sangue. Neste caso, são 360 doações a serem batidas em 2021. Para ajudar na causa, o projeto contará na próxima semana com o apoio das lideranças políticas e da segurança pública. O grupo irá ao Hemosc na quinta-feira, dia 22.

As organizadoras do projeto, Elaine Salvaro e Maiára Saccon, agradecem ao apoio recebido tanto no executivo quanto do legislativo. Elas fizeram o convite e propuseram que quem não puder doar possa enviar um representante. Além de mobilizar a doação dos entre os representantes políticos, Elaine e Maiára já fizeram o convite para a Polícia Militar. 

O prefeito, Sandro Cirimbelli, recebeu a visita de Elaine na terça (13) pela manhã e organizará sua agenda para buscar estar presente também no dia 22 de abril na doação. “Doação de sangue de sangue é um gesto nobre e essencial. Precisamos nos mobilizar e apoiar esta causa. Parabenizo a atitude da Elaine e da Maiára por tornar Turvo um referencial. Podem contar com o apoio do poder público para as doações e a minha pessoal para a causa”.

O presidente da Câmara, Samuel Neoti, também está mobilizado com o projeto, sendo que o legislativo já tem pelo menos dez pessoas organizadas para fazerem a doação. “Que possamos cada um fazer sua parte, seja doando, divulgando ou apoiando”. 

Elaine também visitou o comandante da Polícia Militar de Turvo na terça a tarde e foi firmada a parceria, sendo que pelo menos dez policiais se deslocarão no dia 22 para doar sangue.


Categoria:Exemplo de categoria