Plantio de árvore marca início da obra da Apae

O plantio da árvore fundamental na manhã de sábado, dia 9, marcará o momento de início dos trabalhos da construção da sede da Apae de Balneário Gaivota.  Ocorrerá das 9 horas ao meio-dia, no local das futuras instalações, a avenida Alvim Manoel Cardoso, 1201, no bairro Santa Rita de Cássia, atrás do Cras. A árvore representa o crescimento do sonho.

A história da criação da Apae no município é longa. Iniciou em julho de 2002, quando foi realizada a primeira reunião do grupo de organizadores da Apae com apoio da Secretaria de Educação e a Apae de Sombrio. A instituição iniciou as obras de construção da sede em um terreno cedido na praia da Guarajuba, mas o Furacão Catarina em 2004 derrubou a estrutura enquanto ainda estava em andamento.  A expectativa era inaugurar a obra dali alguns meses. Em 2011 recomeça o movimento. Desde janeiro de 2014, José Donizeti de Sousa está a frente da presidência. Ele vem articulando e buscando verbas com a sociedade civil através de sócios colaboradores e evento como chás beneficente, bingos, parcerias com empresas, também em conjunto com a sociedade política de Balneário Gaivota através da Câmara de Vereadores e a prefeitura da cidade, ao qual fizeram a cedência do terreno que já está registrado em nome da Apae.  “Estamos em etapa final de execução do projeto de obras para a construção da sede nesse local. No mês de maio, com a colaboração da Engenharia e Construções Projemac, demos início ao nosso sonho de construção. Os engenheiros responsáveis dessa empresa doaram a planta baixa e a maquete onde proporcionaram a apresentação para toda sociedade civil e política através da realização de um chá. Neste momento gostaríamos de contar com a colaboração de todos com uma contribuição para a construção efetiva da nossa sede. A cidade já tem 56 alunos que são atendidos na Apae de Sombrio, que destina uma Van todos os dias para buscar e trazer, e estes passam horas dentro da Van até chegar ao destino. Para atender esses alunos a Apae de Sombrio tem um contrato com a prefeitura do nosso município”, explana José Donizeti.

 A nova leitura da Apae escola vem proporcionar aos alunos de zero a cem anos, atividades educacionais além das terapêuticas, criando rotinas de organização social necessária para o desenvolvimento físico e mental. Na área de ação educativa estão previstos os atendimentos: SAEDE (Serviço de Atendimento Educacional Especializado), SPE (Serviço de Atendimento Específico), EEP (Educação Escolar e Profissional), CAESP (Centro de Atendimento Especializado) e AVD (Atividades de Vida Diária).

“Sentimo-nos gratos em fazer parte desta associação e vamos lutar para que esta sede seja construída o mais rápido possível proporcionando mais dias de atendimento e com mais tempo de aprendizado para os alunos. Agradeço a todos os nossos colaboradores que batalham, lutam para que este sonho se torne realidade, pois já diz a frase: sonho que se sonha só é só um sonho, mas sonho que se sonha junto é realidade”, pontua o presidente.

Categoria:Exemplo de categoria