Emissão de mais de 500 alvarás de construção em 2019 é o maior já registrado em Balneário Gaivota

Balneário Gaivota já ultrapassou 500 alvarás de construção emitidos em 2019. Esse número de novos projetos aprovados representa o crescimento do município. Até outubro desse ano, o número de novas edificações cresceu 37% em relação a 2018. E de outubro de 2019 para o ano 2012 teve um aumento 250%. Em 304 dias foram 505 obras, com quase duas obras por dia na cidade. Se pensar nos dias úteis, é superior a duas obras por dia neste período.

Há registros de emissão dos alvarás em Balneário Gaivota desde 1975. Até hoje são 4359. Nos três primeiros anos consta a emissão de um alvará em cada. Em 1978 foram dois alvarás, seguidos por três em 1979. A partir de 1980 o crescimento passou a ser maior com a emissão de 14. Entre 88 e 89 os números subiram para acima de cem, sendo que em 2013 iniciou uma expressiva expansão com a emissão de 267 alvarás. Torna-se positivo o crescimento desta forma por ser baseado em projetos aprovados pelos profissionais da prefeitura. A partir daí os números crescem e mostram o desenvolvimento: 311 (2014); 268 (2015), 269 (2016), 314 (2017), 367(2018) e 505 até outubro de 2019.  Desde 1975 são 4359 obras construídas regularizadas.

Balneário Gaivota é um município jovem prestes a completar 24 anos e com pouco menos de 11 mil habitantes diante do último Censo do IBGE. “Fazer as construções de acordo com as diretrizes municipais é fundamental para manter o ordenamento territorial fazendo com que a cidade se desenvolva de forma estruturada. Enquanto gestão municipal ficamos satisfeitos em ver a confiança da população em edificar as construções legalizadas em Balneário Gaivota. Mostra que estamos no caminho certo no trabalho pelo desenvolvimento do município, ao qual o cidadão deseja fixar moradia. Trabalhamos para dar este suporte na infraestrutura e torna Gaivota uma cidade privilegiada para viver. O município vive um momento importante em sua história, em meio a um grande ciclo de desenvolvimento. E o cidadão percebe esse momento especial. Balneário Gaivota transformou-se numa cidade cada vez melhor de morar, trabalhar e investir. Quando a gestão municipal e a população buscam o crescimento ordenado todos saem ganhando”, pontua o prefeito Ronaldo Pereira da Silva. Com vistas no crescimento organizado, está sendo elaborado o Plano Diretor com o estudo socioambiental para evitar loteamentos em áreas de APP (Área de Preservação Permanente), bem como a Regularização de loteamentos com a intenção de evitar invasões.

As emissões geram números positivos. O valor total arrecadado até outubro de 2019 com taxas foi de R$ 224.609,25. Representa mais recursos para serem investidos no município. Foi liberado alvará para um total de 43.789,80m² de construção. Hoje o valor do CUB para construção padrão está em média de R$ 1.914,60 para o m² de construção. Multiplicando a área total dos alvarás de 2019 pelo valor do CUB do m² dá um total de R$ 83.839.951,08 investidos pela iniciativa privada em Balneário Gaivota até outubro de 2019.

Categoria:Exemplo de categoria