Freis Gervásio e Protásio Ferronato voltam para Praia Grande

Na comemoração dos 61 anos de emancipação política de Praia Grande que ocorreu no dia 19/07, foram inauguradas uma ponte, a Galeria dos Ex-prefeitos na Prefeitura Municipal, e foi feita a transladação dos corpos dos Freis Gervásio e Protásio Ferronato, que de agora em diante descansam na Igreja Matriz de São Sebastião. Os freis gêmeos capuchinhos que viveram em Praia Grande nas décadas de 1950/60 e foram responsáveis por várias benfeitorias, como a construção do Hospital Nossa Senhora de Fátima.

Aconteceu também o lançamento do vídeo Institucional de Praia Grande no Salão Paroquial e da música regionalista “Tributo à Praia Grande” com o cantor e compositor Ernesto Nunes.

A inauguração aconteceu na localidade de Fortaleza, que recebeu uma nova ponte, construída através de parceria entre a Defesa Civil Estadual e a Prefeitura. Segundo o Prefeito Henrique Maciel, “com o comprimento de 15 metros, a estrutura substituiu uma ponte danificada por uma forte enxurrada. Essa obra era importante aqui, pois as chuvas deixavam a comunidade isolada, agora isso não deve acontecer mais”, disse o Prefeito.

Depois de ter inaugurado no 60º aniversário de Praia Grande das estatuas dos freis Gervásio e Protásio o Prefeito Henrique Maciel teve sucesso na sua iniciativa de trazer para Praia Grande os  corpos dos freis Gervásio e Protásio Ferronato, "foi a maneira que pensamos para homenagear essa duas figuras importantes para a história do nosso município, pois eles após chegarem organizaram a cidade com obras e instituições e melhoraram a estrutura da cidade. Ajudaram inclusive na emancipação do município”.

Após cerimônia religiosa os corpos dos freis foram sepultados junto ao altar da igreja matriz de Praia Grande.

De acordo com a Diretora da Cultura Tatiani de Faveri Homem, “Frei Protásio morreu aos 58 anos de idade e estava sepultado em Campo Grande/MS. Já o seu irmão, Gervásio morreu em janeiro de 1998, aos 77 anos e foi sepultado em Veranópolis/RS, trabalhamos muito, mas conseguimos as autorizações da família e da ordem dos Capuchinhos para traze-los para a nossa cidade que tanto os ama”. 

 

Categoria:Exemplo de categoria