Parque Nacional Aparados da Serra será cedido a iniciativa privada

A concessão para a iniciativa privada dos parques Nacionais Aparados da Serra e da Serra Geral será oficializada nesta sexta-feira dia 12/04 em Cambará do Sul pelo ministro do Meio Ambiente, Ricardo Salles. As reservas ambientais ficam na divisão entre o Rio Grande do Sul e Santa Catarina, e são muito conhecidas pelas belezas dos cânions que cortam a paisagem.

Atualmente a administração dos dois parques é do Instituto Chico Mendes de Biodiversidade (ICMBIO), que também faz a gerência de outras três áreas ambientais do governo federal em Santa Catarina, os parques nacionais da Serra do Itajaí, no Vale do Itajaí, das Araucárias, no Meio-Oeste, e de São Joaquim, na Serra.

Segundo o Prefeito Henrique Maciel de Praia Grande “nosso parque tem potencial turístico forte e carente de investimentos em infraestrutura.  Esclarece o Prefeito de Praia Grande que o Aparados da Serra, que fica na divisa com o Rio Grande do Sul, e é conhecido pelos cânions, é uma das principais apostas para o desenvolvimento regional da cidade. Espera-se que o número de turistas possa mais que quadriplicar e chegar a 1 milhão/ano em poucos anos de investimentos da iniciativa privada”.

Henrique Maciel espera que a concessão pode ser um incentivo a mais para que o Governo do Estado termine a obra da Serra do Faxinal e ofereça mais infraestrutura para o turismo local.

Segundo Ana Lucia Lopes de Lima empresária do setor turístico de Praia Grande e Ex-Secretária Municipal de Turismo de Praia Grande "Este é um projeto que existe há tempo, já foi apresentado e discutido pelo Conselho Consultivo do Parque há anos e até o estudo das viabilidades foi realizado por uma Consultoria de Minas no ano passado. É um projeto antigo e não é do Bolsonaro".

Ana Lucia Lopes de Lima esclarece que o parque sempre estava lá jogado às traças pelos governos anteriores, nem o valor para confecção dos bilhetes de entrada foi repassado, ele está aberto por força de iniciativa de algumas associações. Ele vai ser cedido através de contrato de concessão, por 20 anos, para empresas que tiverem o cacife de investir no parque, obedecendo ao que foi determinado pelo estudo das viabilidades. O atual Ministro do Turismo só está cumprindo o que já foi determinado antes de sua posse.

Categoria:Exemplo de categoria